...
Все для WEB и WordPress
WEB и WordPress новости, темы, плагины

CONSEQUÊNCIAS DO DIVÓRCIO DO CASAMENTO

2

O casal se divorciou e se tornaram estranhos um para o outro. Não é nenhum segredo que a dissolução de um casamento deixa uma cicatriz profunda na alma de pessoas que já se apaixonaram. Esta é muitas vezes a causa de doenças que levam à morte. Na maioria dos casos, o divórcio é acompanhado por um escândalo.

Consequências do divórcio para o belo sexo. Cada mulher experimenta um divórcio à sua maneira. No entanto, para cada divórcio do marido é muito estresse. E não importa por quais razões a família se separou. Se uma dama experimentou uma forte afeição por seu escolhido, se separar dele se transforma em uma grande tragédia para ela. Ela começa a pensar se faz sentido viver. Se a bela metade sofre de algum distúrbio emocional, ela pode pensar em suicídio. Nesse período, ela precisa mais do que nunca do apoio moral dos entes queridos.

Na maioria dos casos, uma senhora, depois de se separar do marido, para de se comunicar com seus conhecidos. Além disso, muitas vezes ela perde o contato com seus amigos casados. Afinal, eles podem começar a percebê-la como uma rival. De algumas mulheres divorciadas você pode ouvir que elas têm vergonha de aparecer na sociedade.

A coisa mais difícil é para as belas metades que viveram com um parceiro de vida por muitos anos. Ainda bem, se uma senhora é ajudada por seus filhos adultos. No entanto, também acontece que os filhos vivem suas próprias vidas e não consideram necessário visitar constantemente a mãe.

Em relação aos filhos menores, vale dizer que eles, via de regra, permanecem com o progenitor. Se uma mulher é forçada a sustentar seus filhos sem o apoio de seu marido, então ela tem que buscar uma renda adicional para que os filhos tenham o melhor. Encontrando-se em situação semelhante, muitas mulheres voltam suas jovens criaturas contra o papa.

Acontece que uma senhora, tendo se separado do marido, volta para seus pais. É bom que eles a apoiem moral e financeiramente.

Há casos em que os cônjuges se separam por causa do vício em drogas ou alcoolismo do chefe da família. É difícil para uma bela metade perceber que seu escolhido preferiu uma garrafa a ela. No entanto, ao mesmo tempo, ela entende que agora ninguém vai bater nela e insultá-la. Isso dá força à senhora.

Vale a pena notar que os representantes do sexo frágil têm muito pouca chance de se casar novamente. Afinal, as crianças, em regra, ficam com ela.

Consequências do divórcio para metades fortes.

Para todo homem, separar-se de sua esposa se transforma em dor. Vale a pena notar que a sociedade lamenta apenas senhoras divorciadas que ficaram com os filhos. Mas quanto aos representantes do sexo forte, eles são condenados. Afinal, eles de alguma forma deixaram a família.

Muitos homens, tendo se separado de sua bela metade, imediatamente começam a abusar do álcool. Eles acreditam que a vodka pode entorpecer todos os sentidos. No entanto, o consumo desta bebida só agrava a situação. E se o representante do sexo forte não se recompor em tempo hábil, certamente terá problemas no serviço.

Se um homem é forçado a deixar sua casa após o divórcio, ele geralmente vai para seus pais. Em alguns casos, o representante do sexo forte é obrigado a alugar um apartamento. Naturalmente, isso acarreta o aparecimento de dificuldades econômicas e materiais. Afinal, os homens, via de regra, não estão adaptados para limpar a casa, lavar as coisas e criar todo tipo de louça. Para eles, os cônjuges costumam fazer tudo. Se uma pessoa depois de se separar de sua esposa não comer adequadamente, sua saúde se deteriorará. Se ele sofre de quaisquer doenças crônicas, elas podem se agravar.

Se um homem se divorciou de sua esposa para conectar seu destino com sua amante, então, naturalmente, ele consegue evitar muitos problemas. No entanto, uma pessoa pode se decepcionar com a segunda esposa e chegar à conclusão de que o primeiro parceiro de vida era melhor.

As consequências do divórcio para as criaturas jovens.

Após o divórcio dos cônjuges, as crianças passam por momentos mais difíceis, pois a mãe e o pai são igualmente queridos por eles. Se o bebê comer leite materno, o processo de alimentação pode ser interrompido. Afinal, uma mulher nervosa pode perder leite. Se uma mulher é forçada a trabalhar em algum lugar para fornecer ao bebê tudo o que é necessário, o bebê provavelmente passa uma parte significativa de seu tempo com os avós. Naturalmente, uma ruptura com um dos pais leva à depressão. Além disso, a saúde física da criança está se deteriorando.

Se a criança já é grande o suficiente, ela também está sob estresse. A jovem criatura não consegue entender por que sua mãe e seu pai se separaram. Quando uma criança pergunta a um pai quando o pai virá, ela fica brava e diz que o pai agora tem outra família. Muitas crianças acreditam que são elas as culpadas pela separação de seus pais.

Os meninos muitas vezes ficam nervosos e descontam seu mau humor em outras crianças. Alguns até começam a fumar. Quando um pai explica ao filho como ele deve se comportar, ele é rude com ela. Há casos em que um menino, tendo brigado com sua mãe, sai de casa.

Após a separação dos pais, os meninos muitas vezes se recusam a entrar em contato com o pai. E se as reuniões ocorrem, eles se comportam de forma provocativa ou ficam em silêncio a maior parte do tempo.

Quanto às meninas, muitas vezes caem na tristeza. Se sentirem falta de atenção, começam a reclamar de desconforto no abdômen ou dor no coração. Lembre-se de que sua filha pode ter algum tipo de doença devido ao nervosismo. Portanto, se você notar algum sintoma suspeito nela, você deve levá-la ao médico o mais rápido possível. Em nenhum caso, não coloque a garota contra o ex-marido. Caso contrário, ela pode desenvolver uma atitude negativa em relação aos homens. Mas no futuro ela precisará criar uma família.

Como aliviar o sofrimento de uma jovem criatura?

Antes de tudo, você precisa tentar preservar o jeito antigo, todos os costumes familiares. Além disso, se você planeja transferir seu filho para outra pré-escola ou instituição educacional, essa transição deve ser adiada. Afinal, seu filho está passando por um momento difícil durante esse período.

A jovem criatura precisa se encontrar tanto com o pai quanto com parentes ao longo de sua linhagem. Mesmo se você se sentir muito ofendida por seu ex-marido, ainda é desejável que você mantenha relações normais com ele por causa da criança. Tente convencer a criança de que o pai ainda a ama. Dê ao seu filho o máximo de tempo possível. Vá a bibliotecas e filmes juntos com mais frequência.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação